Sexta-feira, 11 de setembro de 2020 - 9h41
VLI reforça embarque de manganês no Terminal Portuário São Luís
Companhia realizou o embarque de 70.600 toneladas do produto com destino à China

A VLI, companhia de soluções logísticas que integra terminais, ferrovias e portos, informa que ampliou o volume de remessas de manganês para mercados externos por meio do Terminal Portuário São Luís (TPSL), no Maranhão. A empresa efetuou o embarque de 70.600 toneladas de manganês, provenientes do estado do Pará, com destino à China, superando o volume histórico de envios do minério efetuados pela companhia.

Com a ampliação da capacidade de embarque, o transporte de manganês que, até então, era realizado por navios cargueiros da classe Supramax, aptos a deslocar entre 50 mil t e 60 mil t de carga, passa a ser feito com embarcações da classe Panamax, com capacidade para operar mais de 70 mil t.

De acordo com a companhia, é a primeira vez que a VLI utiliza navios Panamax para o transporte de minério de manganês desde o início de suas operações, em 2010. A movimentação do produto até o Terminal Portuário São Luís é realizada por meio da integração com a ferrovia, a partir do município de Marabá (PA).

O gerente geral Comercial da VLI, Diego Zanella, afirma que o objetivo é consolidar o Terminal Portuário São Luís como referência para o embarque de minério de manganês. “Em consonância com o poder público e com o empresariado regional, queremos explorar cada vez mais as potencialidades da nossa solução que integra o terminal e a ferrovia ao porto, gerando eficiência, criando e compartilhando mais valor com os nossos clientes”, afirma.