Quinta-feira, 5 de novembro de 2020 - 10h34
Marbor aluga caminhões para operações de mineração da InfraBrasil
Trata-se do primeiro contrato de locação da empresa, que conta com 250 equipamentos próprios

A empresa InfraBrasil, que presta serviços de transporte de cargas para mineradoras, acaba de fechar um contrato de aluguel de veículos pesados com a Marbor Frotas Corporativas. A negociação envolve 20 caminhões Mercedes-Benz do modelo Axor 4144, com caçambas de 16 metros cúbicos, que serão utilizados em serviços de mineração para a Vale, com um investimento de R$ 12 milhões.

A InfraBrasil já conta com uma frota própria composta por 250 equipamentos e essa é a primeira vez que a empresa investe na locação dos ativos. “Não esperávamos ter uma proposta tão competitiva quanto a da Marbor. Sempre adquirimos veículos próprios, mas essa proposta fez com que mudássemos o modelo. O entendimento do mercado de caminhões por parte da Marbor, a velocidade da sua equipe e a sinergia com a montadora e o distribuidor fizeram com que as coisas funcionassem. Não é simplesmente um banco aprovando um crédito para a compra de veículos. A locadora conhece esse mercado”, frisa Christiano Kunzler, proprietário da InfraBrasil.

Divulgação

Na opinião do executivo, o modelo de locação deve crescer dentro da empresa. Ele revela que já está conversando com a Marbor sobre novos contratos. Kunzler acredita também que o mercado de terceirização de veículos pesados tende a crescer ainda mais no Brasil. “Com as taxas de juros baixas, é uma tendência que locadoras capitalizadas como a Marbor se tornem mais robustas e que as empresas usuárias dos veículos tenham mais foco no seu core business e não na compra de ativos, avalia.

Mesmo com a crise provocada pela pandemia de Covid-19, a InfraBrasil projeta um crescimento de 70% em 2020 e acima de 100% em 2021. O executivo credita esses resultados a uma série de fatores. “Nossa empresa está muito bem montada, com uma equipe operacional, comercial e técnica que soube aproveitar o momento favorável da mineração. Ter atravessado tempos ruins nos tornou mais fortes”, completa.

“Fizemos um trabalho de consultoria para esse cliente, que durou cinco meses, iniciando pelo crédito. Estendemos as possibilidades de escopo de locação na operação da empresa, os impactos tributários e, por fim, adequamos o contrato para atender às exigências de disponibilidade dos caminhões. O resultado veio e hoje nosso cliente nos vê como um importante parceiro de estruturação de novos negócios”, destaca a gerente Comercial da Marbor, Elisangela Buesso.

Segundo ela, os caminhões destinados à operação da InfraBrasil foram comprados pela Marbor junto à concessionária De Nigris. A gerente explica como se deu a escolha pelo Axor 4144. “Este é um dos modelos mais utilizados em operações de construção e mineração, pela sua robustez, economia e especialmente por ser um caminhão bastante flexível e simples do ponto de vista de manutenção. Tudo isso combinado significa disponibilidade, já que são contratos com níveis de serviço bastante severos em termos de prazo da obra”, conclui Elisangela.