Quarta-feira, 21 de julho de 2021 - 10h14
Terminal de Carga Geral de Imbituba movimenta cabos de fibra ótica
Operação entre duas embarcações totalizou 1.450 toneladas, num total de mais de 39 quilômetros de cabos

O Terminal de Carga Geral (TCG) de Imbituba (SC), administrado pela Santos Brasil, divulga que realizou uma operação de transferência de mais de 39 quilômetros de cabos de fibra ótica entre duas embarcações. A carga, que totalizou 1.450 toneladas, veio da Coreia do Sul e, depois da operação já finalizada, seguiu com destino a Florianópolis.

A passagem de cabos foi totalmente automatizada por meio de dispositivos do navio sul-coreano Da Qing e da balsa C Tufão ZMAXX, fazendo com que a carga fosse encaminhada diretamente para o centro da balsa, onde o cabo ficou armazenado em forma de círculo.

Além de coordenar a comunicação junto ao Porto de Imbituba, comunidade portuária e órgãos intervenientes como Ministério da Agricultura e Receita Federal, os funcionários da Santos Brasil fizeram a programação para atracação e preparo do comboio, além da operação com o portêiner do terminal, que movimentou geradores e equipamentos que integraram a carga entre as duas embarcações.

Divulgação

A operação, que levou cinco dias para ser realizada, é considerada complexa, uma vez que a transferência deve ser controlada metro a metro e a carga posicionada de forma circular pela tripulação da balsa.

Para o diretor Comercial de Operações Portuárias da Santos Brasil, Danilo Ramos, o sucesso da operação se deve às condições operacionais seguras do porto de Imbituba para realização desse transbordo e à qualificação dos profissionais, exclusivamente dedicados à movimentação e armazenagem de cargas especiais como essa.

“A especialização na movimentação de cargas especiais é fundamental para o sucesso deste tipo de operação. A elaboração conjunta de um planejamento minucioso como esse reduz os riscos e contribui para o êxito da mesma”, diz Ramos.