Quinta-feira, 21 de outubro de 2021 - 11h02
Vacância da Bresco Logística FII chega a zero
Novos negócios foram firmados nos estado de São Paulo e do Rio Grande do Sul

A Bresco anuncia que a vacância de seu fundo Bresco Logística FII chegou a zero. Isso porque, as companhias ampliaram as locações, com negócios sendo realizados em galpões logísticos nos estado de São Paulo e do Rio Grande do Sul, pontos considerados estratégicos para escoamento de mercadorias.

Na região de Itupeva (SP), quem locou nova área é a Coopercarga, empresa de transporte que fará a operação logística da cervejaria Heineken a partir do imóvel. A companhia, que já possuía 7.511,87m² de área disponível, ampliou a operação em mais 7.059,82m² e passou a utilizar o espaço remanescente do empreendimento em menos de 15 dias. O negócio representa a ocupação de 36,6% da área bruta do imóvel, que está 100% ocupado.

Já no Rio Grande do Sul, foram locados 11.806,00 m² do galpão Bresco Canoas para a TW Transportes, que fará a terceira parte logística para a empresa de equipamentos agrícolas John Deere. O negócio representa a ocupação de 35,5% da área bruta do imóvel, eliminando a vacância física do empreendimento.

A realização das locações de Itupeva e Canoas reduziu a vacância do fundo Bresco Logística FII para zero, o que, segundo a empresa, pode gerar mais rentabilidade ao investimento.

“Os grandes ocupantes estão cada vez mais seletivos na escolha do seu parceiro imobiliário. Ficamos muito satisfeitos com as negociações, pois demonstram que nossos imóveis têm alta confiabilidade e, consequentemente, nosso fundo se firma como um destaque do setor”, diz o CFO da Bresco, Rafael Fonseca.