Sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010 - 14h51
Skam diversifica atuação

Objetivo para 2010 é focar na locação de máquinas e desenvolver projetos logísticos

A Skam, empresa especializada na produção de empilhadeiras movidas a energia elétrica, planeja este ano diversificar e ampliar sua área de atuação. De acordo com informações da companhia, o objetivo é reduzir a dependência da atividade fabril e aumentar o volume na área de prestação de serviço, oferecendo com mais ênfase consultoria de projetos logísticos e locação.

Segundo o superintendente, Paulo Coggo, com a nova estratégia a empresa pretende recuperar as vendas perdidas durante o ano de 2009, quando o faturamento ficou um pouco abaixo de R$ 10 milhões. A meta, diz, é voltar ao nível de 2008, quando a Skam movimentou R$ 26 milhões, com os serviços de locação e projetos logísticos respondendo por 50% do faturamento.

O presidente, Maks Behar, conta que desde o ano de 2008 a empresa estuda a diversificação das áreas de atuação. Mas, ele lembra, com a crise o processo foi acelerado devido à queda nas vendas de máquinas verificada no ano de 2009.

Para esta nova fase, a companhia irá oferecer soluções com empilhadeiras feitas sob medida, que aumentam a capacidade de volume armazenado no mesmo espaço. Os produtos serão oferecidos a clientes, por exemplo, que estejam construindo galpões industriais.

Apesar de reconhecer que o grande desafio nesta nova fase é obter capital de giro para o financiamento das máquinas até que elas sejam pagas com os aluguéis, o presidente está otimista. “Pretendemos fechar grandes contratos e, no mínimo, dobrar o número de máquinas alugadas, de 56 para 112”, diz.

www.skam.com.br