Terça-feira, 5 de abril de 2011 - 11h53
Auxter firma contrato de representação com alemã Sennebogen
Pelo acordo, empresa passa a vender produtos da marca alemã em todo país
A Auxter Máquinas e Equipamentos divulgou, durante a Cemat 2011, seu contrato de representação com a alemã Sennebogen. Terceira maior fabricante mundial de equipamentos especiais para movimentação de materiais, a Sennebogen é líder no mercado americano, com 42% de participação. Pelo acordo, a empresa a Auxter passa a vender produtos da marca alemã em todo país.   E a Auxter já fechou bons negócios: vendeu para a PH Metais & Rental, empresa especializada em logística industrial, manipulação e recuperação de metálicos – um lote de 20 máquinas Green Line. A locadora mineira Tradimaq também adquiriu mais três máquinas que serão usadas num contrato de rental com a Gerdau. A linha Green Line é formada por equipamentos utilizados nas atividades de movimentação em portos, empresas de reciclagem, no manuseio de sucatas de metais e na indústria de papel e celulose, entre outros segmentos.   O diretor-geral da Auxter, Célio Neto Ribeiro, acredita que os equipamentos da Sennebogen terão boa aceitação no mercado nacional por contarem com recursos tecnológicos de ponta e serem de fácil operação e manutenção. “A marca alemã visa à liderança do mercado brasileiro de equipamentos especiais e quer contar com a experiência da revenda brasileira no desenvolvimento de sua estratégia de negócios”, complementa o executivo.   Os visitantes da Cemat ainda puderam conhecer no estande da Auxter, equipamentos e manipuladores telescópicos da JCB destinados a operações especiais de carregamento de longo alcance, as lavadoras Nilfisk-Advance ideais para centros de distribuição devido ao baixo consumo de água e detergente e também empilhadeiras da Yale, marcas que também compõem o portifólio de marcas da empresa.   Concessão do Finame    Outra novidade divulgada pela Auxter na Cemat foi a concessão do Finame, linha especial de financiamento do BNDES, para a comercialização da escavadeira hidráulica JCB JS 200 SLC, um equipamento de alta tecnologia para a indústria da construção civil. O Governo Federal concedeu o benefício ao produto após a empresa fabricante produzir o equipamento com um índice de nacionalização de peças da ordem de 60%.  “Com a concessão do Finame esperamos saltar para 200 o número de máquinas a serem vendidas, ante 77 do ano passado”, estima Kennedy Bryto, gerente financeiro da Auxter.   Equipada com motor a diesel de 172 hp, caçamba reforçada, sistema plexus de filtragem, sapatas de 700 mm e capaz de escavar a uma profundidade de 6,6 m, a JCB JS 200 SLC ainda é dotada de chassi longo, cabine fechada com ar-condicionado e sua troca de óleo ocorre somente após 5.000 horas de uso.  “Trata-se de um equipamento espetacular agora acessível a pequenos e médios usuários”, ressalta Bryto.   www.auxter.com.br