Quinta-feira, 26 de abril de 2012 - 13h06
Rocha Log anuncia novos armazéns
Estruturas localizadas no Porto de Paranaguá receberam investimentos de R$ 85 milhões

A Rocha Terminais Portuários e Logística – Rocha Log – divulga ao mercado seus três novos armazéns localizados em Paranaguá (PR). Voltados principalmente para a estocagem de fertilizantes provenientes de importação pelo porto paranaense, as estruturas estão previstas para ser inauguradas ainda neste primeiro semestre.

Foram aplicados R$ 85 milhões para a viabilização dos novos armazéns, que terão como objetivo atender à crescente demanda por estocagem de fertilizantes descarregados em Paranaguá. As três unidades, AZ Praça, AZ Langer e AZ 10, possuem, respectivamente, 82 mil m³, 53 mil m³ e 60 mil m³. Com o armazém AZ Rocha, já existente e com mais 60 mil m³, a companhia possui agora um total de 255 mil m³ em área de estocagem no porto.

As novas estruturas proporcionam uma capacidade de movimentação de 1,5 milhão de toneladas por ano. Além disso, são informatizadas e automatizadas, com recursos como segurança patrimonial, ambiental e operacional, possibilitando assim uma recepção de até 1.000 t por hora e expedição de 500 t por hora.

Além disso, os armazéns possuem correias transportadoras hermeticamente fechadas e conectadas ao Terminal Público de Fertilizantes do Porto de Paranaguá, permitindo assim a transferência dos produtos diretamente dos navios aos armazéns da companhia, o que reduz muito o tempo de descarga, baixando o tempo de espera para atracação dos navios.

A companhia conta também com três guindastes sobre rodas (MHC) localizados na zona primária do porto, que fazem a carga e descarga de navios. Além disso, a empresa ainda possui um armazém alfandegado para operações de estufagem e desova de contêineres e armazenamento de mercadorias e cargas de projeto de importação e exportação.

Para João Gilberto Cominese Freire, presidente do Conselho Administrativo da Rocha Log, os investimentos não são apenas para atender ao mercado de fertilizantes, mas também visam acelerar o processo de descarga dos navios, colaborando para menor tempo de espera na fila de atracação do porto, reduzindo assim os custos de operações dos importadores.

“Do total de fertilizantes que entram no Brasil, 40% são provenientes de Paranaguá. O porto se tornou líder no segmento do produto. Com essa nova estrutura, a Rocha Log visa colaborar com o Porto de Paranaguá para manter essa excelência e liderança nas importações de fertilizantes, colaborando para toda a cadeia logística do produto”, conclui Freire.

A empresa possui mais de 147 anos de atuação no mercado brasileiro. Atualmente, está presente nos portos de Paranaguá (PR), São Francisco do Sul (SC) e Santos (SP), com serviços de movimentação e estocagem de granéis sólidos, cargas em geral e contêineres, oferecendo soluções de logística integrada e otimizada.