Quarta-feira, 23 de outubro de 2019 - 14h46
Opentech e a EUAX Consulting desenvolvem o Radar Logístico
Solução de análise e diagnóstico chega para aprimorar processos operacionais, com ganho de eficiência, aumento da produtividade e redução de custos

A Opentech e a EUAX Consulting firmaram um acordo e uniram suas expertises para criar o Radar Logístico, uma solução de diagnóstico que mapeia a maturidade das operações. O produto é uma ferramenta de análise que tem como objetivo aprimorar os processos operacionais a fim de gerar ganho de eficiência, com aumento da produtividade e redução de custos.

A novidade, aplicada principalmente às operações de médios e grandes embarcadores, indústrias e operadores logísticos, é capaz de avaliar e mapear processos operacionais, apontar os principais gaps, identificar oportunidades de melhorias e propor boas práticas, classificando a maturidade logística no planejamento, expedição, viagem, frota, gestão e indicadores.

De acordo com o CEO da Opentech, Duani Reis, a OpenTech e a ideia é entregar ao mercado de embarcadores e indústrias um diagnóstico que, de forma simples, comunique facilmente a maturidade da operação logística e que contribua para elevar o nível de serviço do mercado de transporte brasileiro.

Duani explica que a nova solução atua como um raio-x da operação logística e ao final das etapas de preparação, avaliação e entrega, o cliente pode implantar um plano de ação com alocação de ferramentas e profissionais especializados.

Já o CEO do Grupo EUAX, Jackson Rovina, acredita que a experiência da companhia com transformações de processos focada em elevar a performance das empresas e afetar positivamente seus resultados, em conjunto com a experiência da Opentech, vai levar a logística de transporte das organizações para outros patamares. “Com as melhores práticas e tecnologias certas, vamos elevar o nível de maturidade e a experiência dos clientes”, garante.

Performance

Desenvolvido para aumentar a performance e a maturidade nos elos da cadeia logística, o Radar Logístico avalia cinco diferentes frentes – planejamento (contratação de frete, agendamento, sequenciamento de picking, plano de gerenciamento de risco/contingência e plano de prevenção de perdas/acidentes); expedição (tempo de separação, aderência ao carregamento e tempo); viagem (tempo de descarga no cliente, gestão de On Time, alertas logísticos e visibilidade); frota (manutenção, ociosidade e jornada de trabalho) e gestão (melhoria contínua do processo, diagnóstico operacional, dashboards e relatórios).

O trabalho é dividido em três etapas obrigatórias e uma opcional. Na fase de preparação, o foco é a definição do plano de trabalho, análise preliminar do negócio e preparação de ambiente para aplicação de pesquisas. A segunda etapa, de avaliação, prevê entrevistas com stakeholders, avaliação de boas práticas e compilação dos dados.

A fase três é dedicada à entrega, que inclui alinhamento prévio, preparação do relatório final e apresentação do relatório com sugestões de ações futuras. Os clientes do Radar Logístico também terão à disposição uma quarta etapa, contratada à parte, que contempla a alocação de profissionais especializados para implantação das ações de melhoria de performance identificadas nas fases iniciais do processo.