Terça-feira, 9 de junho de 2020 - 10h33
TCP Log movimenta carga de projeto destinada à Klabin
Ao todo, foram 22 peças provenientes da Finlândia com pesos variando entre 2.600 a 22.500 quilos

A TCP Log, subsidiária logística da TCP, empresa que administra o Terminal de Contêineres de Paranaguá (PR), recebeu no último mês de maio um carregamento de peças que serão utilizadas na ampliação do Projeto Puma II da Klabin, localizado em Ortigueira, cidade a 226 quilômetros de distância da capital paranaense, Curitiba. A operação, que incluiu a descarga, o transporte e a armazenagem das peças, teve duração de aproximadamente 13 horas.

As 22 peças tiveram origem na Finlândia e pesos que variam entre 2.600 a 22.500 quilos.  “A TCP Log fez todo o planejamento prévio, desenhando e simulando toda a operação para que não houvesse nenhum imprevisto. Além do nosso planejamento rigoroso, seguimos service level agreements (SLAs) que são previamente alinhados caso a caso e, ao final de cada execução, comprovamos nossa eficiência por meio dos indicadores”, explica o vice-diretor Comercial da TCP, Thomas Limas.

Ainda segundo o executivo, a preparação de cada etapa permitiu que o terminal não se deparasse com dificuldades ou surpresa durante as execuções. “A experiência do nosso time dedicado para essas operações somada à nossa sensibilidade para compreender o que de fato importa para nossos clientes, com todas as suas peculiaridades, faz com que as operações de carga de projeto ocorram de modo natural e tranquilo para nós”, completa.

Durante o processo de transbordo do navio para o cais, foram aplicados os guindastes de bordo e equipamentos próprios da TCP: dois guindastes MHC com capacidade de 100 toneladas e dois reach stackers. Já o transporte até o armazém foi realizado com carretas especiais, da frota própria do terminal, que têm capacidade para transportar cargas com excesso de dimensão e peso acima de 90 toneladas.