Segunda-feira, 26 de outubro de 2020 - 11h53
Expresso São Miguel renova frota com caminhões Mercedes-Benz
Empresa do oeste catarinense comprou 77 veículos da marca, entre Accelo, Atego e Axor

A Expresso São Miguel comprou 77 caminhões Mercedes-Benz para renovação e ampliação de sua frota aplicada no transporte de cargas fracionadas. São 18 unidades do veículo leve Accelo 1016, 45 semipesados Atego 2430 6x2 e 14 extrapesados Axor 2041.

Mais de 40 caminhões já foram entregues, com o restante previsto para os próximos meses. Com isso, a frota total da Expresso São Miguel chega a cerca de 400 caminhões, sendo aproximadamente 40% da marca Mercedes-Benz. Além dos novos veículos, a empresa adquiriu os serviços de telemetria do sistema de gestão de frota Fleetboard para todos os 77 veículos.

Divulgação

“A modernização dos caminhões Mercedes-Benz e os aprimoramentos de engenharia do produto, principalmente a economia de combustível dos extrapesados Axor, nos levaram a escolher a marca para essa aquisição”, afirma Arlindo Mardegan, executivo de Compras da Expresso São Miguel. “Assim, a Mercedes-Benz volta a ampliar sua presença na nossa frota, reafirmando um relacionamento que vem desde a criação da empresa, há 25 anos”.

Com matriz em Chapecó, a Expresso São Miguel atende aos três estados da Região Sul do Brasil, chegando recentemente também a algumas localidades do estado de São Paulo, expandido assim sua atuação para o Sudeste.

“É uma satisfação e orgulho ter sido a marca escolhida pela Expresso São Miguel, voltando a ser parte importante da frota de uma empresa que é referência no Sul do país no transporte de cargas fracionadas”, ressalta Roberto Leoncini, vice-presidente de Vendas e Marketing Caminhões e Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil. “A preferência por modelos Accelo, Atego e Axor reafirma a versatilidade do nosso portfólio de caminhões, que oferece soluções para cada demanda do cliente, seja para a distribuição urbana ou para o transporte rodoviário”.

Os novos caminhões Mercedes-Benz adquiridos pela Expresso São Miguel serão utilizados em atividades de transporte, coleta, entrega e transferência de mercadorias entre os centros de distribuição e as unidades de negócios da empresa, tanto na região Sul, como em São Paulo. São 19 unidades próprias e outras 114 terceirizadas.