Sexta-feira, 30 de outubro de 2020 - 9h16
Centro Tecnológico Randon tem nova área para ensaios dinâmicos
Com 53 mil m², estrutura conta com a maior pista de baixo atrito da América Latina

A Randon ampliou a estrutura de seu Centro Tecnológico, localizado em Farroupilha (RS), com o objetivo de consolidar o espaço como um dos principais complexos de desenvolvimento de soluções para a indústria da mobilidade do país. O centro passou a contar com uma nova área para ensaios dinâmicos (ou VDA, na sigla em inglês para vehicle dynamic area) com 53 mil m², destinada ao desenvolvimento, testes e homologações de sistemas de controle de estabilidade.

De acordo com a própria Randon, a estrutura dispõe ainda da maior pista de baixo atrito da América Latina e de pistas especiais para análise de ruído e performance de pneus. A inauguração ocorreu no dia 26 de outubro, em transmissão realizada pela internet, com a participação dos executivos das empresas Randon.

Crédito: Márcio Campos

Nessa nova área será possível realizar testes para variados tipos e combinações de veículos leves e pesados, com capacidade para suportar as homologações necessárias de sistemas de frenagem com antitravamento (ABS), controle eletrônico de estabilidade e performance e ruídos de pneus.

A pista de baixo possui 1,8 mil m², 300 metros de extensão e é recoberta por placas de basalto polido. A estrutura projetada para as análises de performance, de 150 metros de comprimento, conta com um sistema para irrigação do pavimento, permitindo a realização de testes com pista seca ou molhada.

O Centro Tecnológico Randon conta com uma equipe de técnicos, engenheiros e pilotos altamente capacitada para o desenvolvimento e a execução dos testes. “Projetamos essa área para o atendimento das demandas tecnológicas da nossa indústria. Além da estrutura de pista, investimos em sistemas de proteção para o condutor e para os veículos, que possibilitam avaliar os limites dos sistemas veiculares, sem riscos aos profissionais envolvidos”, destaca o gerente de Inovação do centro, Joel Boaretto.

Somente em 2020, foram investidos cerca de R$ 20 milhões no Centro Tecnológico Randon, para a ampliação das estruturas de pistas, do laboratório estrutural e também para a criação do espaço Innovation Lab. “Esse conjunto de iniciativas nos permite oferecer um atendimento completo aos nossos clientes e parceiros. Buscamos aplicar no nosso negócio o conceito one stop shop, ou seja, quem procurar o centro terá em um só lugar a possibilidade de realizar o desenvolvimento completo do seu trabalho, desde a avaliação virtual, concepção dos protótipos até os testes de validação e homologação do produto para aplicação final”, reforça o diretor de Tecnologia e Inovação de Produto das Empresas Randon, César Augusto Ferreira.

Criado há dez anos, o Centro Tecnológico Randon está situado em uma área de mais de 90 hectares. Ele conta com 20 tipos de pistas, totalizando 15 quilômetros, onde são reproduzidos os mais diferentes pavimentos e irregularidades específicas para a realização de testes nas mais variadas condições. Possui um prédio de 2.200 m², com áreas administrativa, de engenharia, salas de reuniões, laboratório estrutural, suporte eletrônico e um espaço técnico para preparação de veículos.