Ibovespa
122.512,78 pts
(0,99%)
Dólar comercial
R$ 5,40
(-0,85%)
Dólar turismo
R$ 5,60
(-1,06%)
Euro
R$ 5,79
(-0,55%)

Mudança em Santos

Por Redação em 15 de janeiro de 2004 às 15h25 (atualizado em 04/05/2011 às 14h53)
A partir das 18 horas de amanhã (15/01), o tráfego de veículos procedentes dos bairros em direção ao centro, que transitam pela avenida Eduardo Guinle, deixarão de dividir 150 metros de trajeto com trilhos e composições ferroviárias para cruzar a via férrea na altura da confluência da avenida João Pessoa com a área do Porto. Antes da intervenção, os veículos, logo após cruzar a praça, desviavam para a direita, aproximando do trecho de cais para seguirem em direção ao Valongo. A obra será entregue pela Companhia Docas do Estado de São Paulo, a Codesp. Com a modificação, a companhia disponibiliza uma área de 3.500 metros quadrados, incluindo a Praça do Trabalhador Portuário, para a empresa arrendatária Cereal Sul. A empresa remanejará provisoriamente a estátua para a área ao lado do estacionamento do Sindicam, enquanto não é implantado o projeto da Avenida Perimetral da Margem Direita. A alteração envolveu serviços para estruturar arruamento, calçamento, iluminação, drenagem e melhorias no sistema de sinalização e recomposição do jardinamento. A programação, iniciada em 2003, visa agilizar os acessos aos terminais em virtude do crescimento da movimentação e a crescente participação do modal ferroviário no escoamento das cargas. Em 2003, como parte da intervenção realizada no mesmo trecho, o tráfego rodoviário procedente dos armazéns externos deixou de contonar a Praça do Monumento, seguindo reto em direção ao Valongo.   Codesp – (13) 3233-6565 www.portodesantos.com.br
Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar