Ibovespa
129.558,62 pts
(0,42%)
Dólar comercial
R$ 4,96
(-0,36%)
Dólar turismo
R$ 5,16
(-0,28%)
Euro
R$ 5,37
(-0,02%)

Vendas de veículos comerciais pesados na Colômbia sofrem queda de 35,3% no 3º trimestre de 2023

Em relação às vendas mensais, em setembro, o mercado colombiano comercializou registrou uma redução de 60,2%
Por Redação em 24 de outubro de 2023 às 11h41
Vendas de veículos comerciais pesados na Colômbia sofrem queda de 35,3% no 3º trimestre de 2023
Foto: Reprodução/Pixabay
Foto: Reprodução/Pixabay

No terceiro trimestre de 2023, o mercado colombiano registrou a venda de 19.444 veículos comerciais pesados, que incluem caminhões e ônibus. Esses números representam uma queda significativa de 35,3% em comparação com as 30.060 unidades vendidas no mesmo período de 2022, de acordo com dados da Associação Nacional de Mobilidade Sustentável (Andemos).

Os números detalhados revelam que as vendas de caminhões com capacidade de carga até 10,5 toneladas totalizaram 13.562 unidades, uma queda de 36,7% em relação às 21.439 unidades vendidas de janeiro a setembro de 2022. Além disso, 4.094 unidades de tractocaminhões foram vendidas, representando uma redução de 36,2% em comparação com as 6.415 registradas no mesmo período de 2022. O segmento de ônibus e miniônibus para transporte de passageiros também experimentou uma queda de 18,9%, com o licenciamento de 1.788 veículos em comparação com as 2.206 unidades vendidas nos primeiros nove meses de 2022.

Em relação às vendas mensais, em setembro de 2023, o mercado colombiano comercializou 1.537 veículos, uma redução de 60,2% em comparação com as 3.861 unidades vendidas no mesmo mês de 2022. Desses, 906 eram caminhões com capacidade até 10,5 toneladas, refletindo uma queda de 67,3% em relação a igual mês do ano anterior, que havia registrado 2.769 vendas. Foram comercializados 415 caminhões com capacidade acima de 10,5 toneladas, uma queda de 54,4% em relação aos 911 veículos do ano anterior, e 216 ônibus, mostrando um crescimento de 19,3% em relação às 181 unidades vendidas no mesmo período do ano anterior.

No acumulado de vendas na categoria de veículos comerciais com capacidade até 10,5 toneladas, a Chevrolet liderou com 3.343 veículos, uma queda de 30,7% em comparação com as 4.826 unidades vendidas no mesmo período de 2022. A queda nas vendas foi generalizada para a maioria das marcas do mercado, com apenas a chinesa Dongfeng na nona posição registrando um resultado positivo, com um aumento de 364% nas vendas em relação a 2022.

Já no segmento de veículos com capacidade de carga acima de 10,5 toneladas, a Foton manteve a liderança nas vendas acumuladas até setembro, com 762 unidades e uma redução de 20,9% em relação às 963 unidades vendidas em igual período de 2022. A Foton ficou à frente da Kenworth, com 584 unidades, e da Chevrolet, com 525. No entanto, todas as principais marcas nessa categoria registraram quedas nas vendas.

O segmento de veículos de transporte de passageiros foi a única exceção, com resultados positivos. A Chevrolet liderou as vendas acumuladas, com 611 veículos, um aumento de 63,4% em relação às 374 unidades vendidas em igual período de 2022. A Renault e a Mercedes-Benz também tiveram desempenho positivo, com aumentos significativos nas vendas.

Por outro lado, a BYD, que havia vendido 996 ônibus em 2022, encerrou o terceiro trimestre de 2023 com apenas 5 unidades vendidas, representando uma queda de 99,5% em comparação com o ano anterior.


LEIA TAMBÉM:

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar