Ibovespa
131.689,38 pts
(1,61%)
Dólar comercial
R$ 4,93
(-0,97%)
Dólar turismo
R$ 5,14
(-0,90%)
Euro
R$ 5,35
(-1,00%)

BBM Logística fecha primeiro contrato de compra de energia renovável e espera reduzir até 30% dos custos

Os contratos abrangem unidades da empresa em Minas Gerais e Pernambuco, proporcionando descontos de até 10% nas contas de luz
Por Redação em 31 de outubro de 2023 às 10h01
BBM Logística fecha primeiro contrato de compra de energia renovável e espera reduzir até 30% dos custos
Foto: Divulgação/BBM Logística
Foto: Divulgação/BBM Logística

A BBM Logística, operadora de transporte logístico rodoviário, fechou o seu primeiro contrato de fornecimento de energia proveniente de fontes renováveis. Este movimento visa a uma significativa redução de até 30% nos custos totais de energia elétrica para o grupo. A Órigo Energia, especializada em geração distribuída de energia solar, foi a parceira escolhida para apoiar essa transição energética.

De acordo com a Órigo, o contrato foi firmado com sucesso em agosto, marcando o início de um novo capítulo na busca da BBM por uma matriz energética mais limpa. Os contratos de geração distribuída de energia solar celebrados entre as duas empresas abrangem unidades da BBM em Minas Gerais e Pernambuco, proporcionando descontos de até 10% nas contas de luz.

Além das unidades mencionadas, a BBM também fechou contratos no ambiente de mercado livre de energia em outras localidades, incluindo Caxias do Sul, Cachoeirinha, Rio Grande (no Rio Grande do Sul), São José dos Pinhais (no Paraná), e Guarulhos e Sumaré (em São Paulo), em parceria com a Órigo. Essa mudança resultará em uma economia média de 30% nos custos de energia.

André Gaia, vice-presidente administrativo e financeiro do Grupo BBM, destacou a importância da transição energética e a flexibilidade do mercado livre de energia. Ele afirmou que a busca por fontes de energia limpa e a eficiência do mercado livre são fundamentais para a estratégia da BBM, uma vez que outras fontes energéticas também estão sob consideração. "Procuramos a Órigo para usar energia limpa e a fonte solar é o core business deles. Mas eles também têm esse serviço no mercado livre e avaliamos que alguns de nossos armazéns poderiam estar nesse ambiente, com tarifas menores".

A primeira etapa do projeto envolveu a contratação de energia limpa para os armazéns em Minas Gerais e Pernambuco, focando em fontes renováveis. No entanto, uma segunda fase do projeto está em andamento, envolvendo a contratação no mercado livre de energia, com a possibilidade de utilizar fontes não renováveis. "A segunda etapa traz savings (economias) importantes para a companhia, mas é uma etapa diferente da primeira", completou Gaia.

Além de reduzir custos com energia, a parceria com a Órigo Energia também trará melhorias na gestão administrativa, com a simplificação operacional e centralização de controles para mitigar riscos. Alexandre Santarém, gerente geral administrativo do Grupo BBM, sublinhou que essa decisão é um passo crucial para a melhoria operacional da empresa. Ele afirmou: "Acreditamos que é o caminho certo a perseguir. Para nos apoiar nesse assunto, fizemos uma parceria com a Órigo Energia, que realiza a viabilidade das nossas unidades para cada fonte energética".


LEIA TAMBÉM:

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar