Ibovespa
129.418,73 pts
(-0,63%)
Dólar comercial
R$ 4,99
(0,80%)
Dólar turismo
R$ 5,18
(0,71%)
Euro
R$ 5,40
(0,80%)

Norcoast inicia transporte de cargas pela costa brasileira

Empresa aposta em logística integrada e serviço porta-a-porta
Por Redação em 8 de fevereiro de 2024 às 7h31
Norcoast inicia transporte de cargas pela costa brasileira
Foto: Divulgação / Norcoast
Foto: Divulgação / Norcoast

A Norcoast, joint venture fundada pela Hapag-Lloyd e Norsul para atuar no setor de navegação costeira no Brasil, dá início a sua operação de transporte de contêineres, tendo a Santos Brasil como parceira no Porto de Santos. Com infraestrutura robusta e integração multimodal, a Norcoast aposta em um serviço de porta-a-porta, ou seja buscando e entregando a carga até a porta do cliente.

Seus navios contam com janelas de embarque e desembarque nos mesmos dias e horários, possibilitando um planejamento mais adequado, aumentando a eficiência logística e trazendo como vantagem a regularidade de capacidade com similaridade.

"Viemos com a proposta de dar acesso aos clientes à navegação costeira. Para aqueles que já embarcam, trazer mais capacidade para o sistema, para os que ainda não utilizam esse modal, a facilidade de ferramentas e equipes dedicadas a entender suas necessidades específicas e flexibilizar ao máximo para que possamos transacionar ainda mais cargas para o transporte marítimo doméstico", destaca Gustavo Paschoa, CEO da Norcoast.

"Para nós da Santos Brasil é uma honra receber o primeiro navio da Norcoast e poder participar deste momento tão importante para a logística nacional. Em um país com mais de 7 mil km de costa, como o Brasil, nada mais lógico para atender a demanda doméstica do que a cabotagem, e a chegada da Norcoast ao mercado, com a chancela de duas empresas do porte da Hapag-Lloyd e Norsul, marca o início de um novo e necessário ciclo de crescimento deste tipo de navegação", ressalta Antonio Carlos Sepúlveda, diretor-presidente da Santos Brasil.

Com capacidade de 3.5 mil TEUs (medida equivalente a 20 pés, usada para mensurar a capacidade de contêineres), os navios terão rotação semanal, navegando de Santos para Paranaguá, Suape, Pecém e Manaus, retornando novamente a esses mesmos portos, completando uma jornada de cerca de 13 dias de duração. Todos os navios possuem bandeira e tripulação 100% brasileira.

Por meio de uma plataforma digital, é possível acompanhar todas as etapas da movimentação da carga, não somente do trecho marítimo, mas durante o trajeto completo. Para Paschoa, trata-se de uma resposta direta às exigências atuais do mercado e às transformações nas cadeias de suprimentos. "Esta adaptação à multimodalidade não é apenas uma tendência, mas uma necessidade emergente no cenário logístico global", afirma.

Lançada ao mercado em outubro do ano passado, a Norcoast traz uma nova opção para o transporte marítimo em contêineres ao longo da costa brasileira e da bacia amazônica, atendendo os principais portos e regiões metropolitanas do país. Há 20 anos esse setor não tem novo entrante neste mercado. "É um marco importante para a logística nacional, para o comércio exterior e para a economia brasileira. Viemos para fortalecer a indústria nacional e fomentar a economia brasileira", ressalta Paschoa.
 

LEIA MAIS:

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar