Ibovespa
125.124,30 pts
(0,75%)
Dólar comercial
R$ 5,20
(-0,96%)
Dólar turismo
R$ 5,41
(-1,20%)
Euro
R$ 5,54
(-0,86%)

Porto Itapoá celebra crescimento em 2022

Terminal movimentou 7,6% mais TEUs no ano e recebeu 4,68% mais navios do que em 2021
Por Redação em 30 de janeiro de 2023 às 14h30
Porto Itapoá celebra crescimento em 2022

O Porto Itapoá (SC) movimentou 950.512 TEUs no ano de 2022, representando um crescimento de 7,6% em relação ao que foi movimentado pelo terminal em 2021. O número de navios que passaram por Itapoá também cresceu: foram 555 navios no ano passado, número 4,68% maior do que no ano anterior. As exportações pelo terminal também cresceram cerca de 11% no último ano. 

“Tivemos uma evolução bastante significativa em nossos indicadores, principalmente pelo esforço e comprometimento de nossa equipe, e isso está sendo percebido pelo mercado”, analisa o presidente do Porto Itapoá, Cássio Schreiner. Um ponto importante nessa evolução, aponta ele, foi a transição ou migração de clientes de outros terminais portuários para Itapoá.

Leia mais: Porto Itapoá recebe autorização para uso de mais 50 mil m2 

Uma das operações que teve grande impacto positivo foi o segmento de cargas refrigeradas. Schreiner explica que a localização do Porto Itapoá é bastante estratégica nesse sentido. “Paraná e Santa Catarina são grandes produtores de proteína animal para exportação”, diz.  

No ano passado, as exportações desse tipo pelo Porto Itapoá cresceram 41% em relação a 2021. As operações reefer por cabotagem cresceram mais de 50% na saída e 47% na chegada destas cargas. Atualmente, o terminal conta com 2.892 tomadas dedicadas a contêineres refrigerados. 

A cabotagem como um todo foi um elemento importante no crescimento do porto, tendo crescido 57% entre um ano e outro. “Em 2022, passamos a operar com novos armadores e, consequentemente, oferecer novas linhas para nossos clientes”, destaca Schreiner. 

Leia mais: Porto Itapoá bate recorde de exportações cross-docking em 2022 

Outro tipo de transação que teve forte aumento de demanda foi o break bulk, quando a carga tem dimensões maiores que um contêiner e tem de ser embarcada de forma específica. Essas operações cresceram 46% em 2022. “Fizemos quase três operações por mês, em média”, comenta o presidente. “Muitas delas foram barcos e lanchas de luxo, um nicho em que hoje estamos bastante fortes”. Atualmente, o Porto Itapoá possui uma equipe especializada em operações break bulk.  

O ano passado também marcou o recorde de movimentação de caminhões no terminal, com 386.535 movimentos no gate. O número é cerca de 10% maior do que o registrado em 2021. Os meses mais movimentados foram março, com 34.404 veículos, julho, com 34.842, e agosto, com 35.91, sendo o último o maior número registrado até então. 

“Investimos muito em infraestrutura, eficiência operacional e excelência no atendimento aos clientes, o que garante o diferencial da nossa operação”, completa Schreiner.

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar