Ibovespa
129.558,62 pts
(0,42%)
Dólar comercial
R$ 4,96
(-0,36%)
Dólar turismo
R$ 5,16
(-0,28%)
Euro
R$ 5,37
(-0,02%)

Wilson Sons adquire 12 novos tratores de pátio elétricos no Tecon Salvador

A nova frota no Porto de Salvador pode evitar até 341 toneladas de emissões de CO2 por ano
Por Redação em 23 de junho de 2023 às 9h31
Wilson Sons adquire 12 novos tratores de pátio elétricos no Tecon Salvador
Nova frota de tratores de pátio e empilhadeira Reach Stacker da Wilson Sons no Tecon Salvador. Foto: Divulgação / Wilson Sons
Nova frota de tratores de pátio e empilhadeira Reach Stacker da Wilson Sons no Tecon Salvador. Foto: Divulgação / Wilson Sons

A operadora de logística portuária e marítima Wilson Sons acaba de adicionar 12 novos tratores de pátio elétricos, duas empilhadeiras reach stackers e uma empilhadeira side loader à sua unidade de negócios Tecon Salvador, no Porto da capital baiana. O investimento de aproximadamente R$24 milhões na aquisição dos veículos vai servir ao transporte interno entre as embarcações e áreas de armazenagem de contêiner.

Com o investimento, o Brasil passa a ser o segundo País no mundo e o primeiro das Américas a ter uma frota de terminal tractors (TTs) elétricos. A adição dos 12 tratores pode possibilitar a redução no consumo de aproximadamente 150 mil litros de diesel por ano na operação do terminal baiano, o que equivale a 341 toneladas de CO2 que deixarão de ser emitidas na atmosfera por ano.

A iniciativa, conforme destaca o diretor-executivo do Tecon Salvador, Demir Lourenço, reforça o compromisso da companhia com a redução do consumo de combustíveis fósseis e emissão de gases de efeito estufa. “É mais uma medida em sinergia às demandas com grande relevância no cenário mundial, como as diretrizes de ESG e os princípios do Pacto Global das Nações Unidas, com as quais nossas linhas estratégicas de sustentabilidade estão alinhadas”, avalia.

Além da economia de combustível e redução da emissão de poluentes, o motor elétrico tem menos desgaste e demandas de manutenção, e dispensa o uso de óleo lubrificante. Os equipamentos ainda contam com cabines mais ergonômicas e melhor isolamento acústico para os condutores. 

Os investimentos da Wilson Sons no terminal de contêineres da capital baiana já ultrapassam R$1 bilhão de reais. A empresa concluiu recentemente uma etapa de expansão de seu terminal que duplicou o principal cais de atracação, passando de 377 para 800 metros, e pavimentou 30.800m² de retroárea, permitindo que o terminal esteja plenamente apto a operar os maiores navios porta-contêineres New Panamax (366m), uma tendência mundial.

 

LEIA TAMBÉM:

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar