Ibovespa
121.341,13 pts
(0,74%)
Dólar comercial
R$ 5,44
(-0,39%)
Dólar turismo
R$ 5,66
(-0,05%)
Euro
R$ 5,82
(-0,51%)

Receita Federal publica portaria do aplicativo Trânsito Aduaneiro Monitorado (TRAM) em São Paulo

Novo serviço fornecerá informações em tempo real sobre veículos e cargas em trânsito aduaneiro, agilizando seu tratamento nos terminais alfandegados
Por Redacción el 17 de abril de 2024 a las 10h45
Receita Federal publica portaria do aplicativo Trânsito Aduaneiro Monitorado (TRAM) em São Paulo
Foto: Divulgação / Rodo Import
Foto: Divulgación / Rodo Import

A Receita Federal da 8ª Região Fiscal publicou no dia 15/04 a portaria SRRF08 nº 498, que regulamenta o aplicativo Trânsito Adueiro Monitorado (TRAM) no estado de São Paulo. O aplicativo pretende dar mais segurança e agilidade ao transporte rodoviário de cargas internacionais. A tecnologia será desenvolvida pelo setor privado e servirá para monitorar a saída do caminhão da garagem, a chegada no local a ser carregado na zona primária e a chegada em seu destino, normalmente um Porto Seco.

O TRAM terá uso opcional, e fornecerá à Receita informações em tempo real sobre veículos e cargas em trânsito aduaneiro, registrando seu tempo na zona primária e dando melhor previsibilidade aos recintos alfandegados sobre a chegada de cargas. O processo pretende dar maior celeridade no carregamento e desembaraço da carga no recinto de origem e na entrada do veículo no recinto alfandegado de destino, além informar o recinto aduaneiro sobre tratamentos especiais de carga.

Com isso, os Portos Secos de destino poderão programar a logística de atendimento com informações precisas e antecipadas. O Trânsito Escalonado também poderá ser utilizado com mais frequência com a nova tecnologia. Além disso, existe a possibilidade de uso de imagens e vídeos vinculados a viagens para fundamentar solicitações de exclusão de ocorrências controladas pelo sistema Siscomex Trânsito.

“O Trânsito Aduaneiro ganhará ainda mais agilidade e segurança”, resumiu o Delegado da Alfândega da Receita Federal de Viracopos, Camilo Cremonez, ao apresentar o novo serviço, durante o durante um evento recente em Campinas (SP). “O mercado terá um status de transporte com um nível qualificado, em função de sua maior transparência, não só para a Receita Federal, mas para todos os agentes de interface com a operação, complementou o Auditor Fiscal Marco Mucci, da Alfândega de Viracopos, Líder e Idealizador do Projeto.

 

Transportadores Rodoviários comemoram 

Duas empresas do setor de transporte rodoviário já avaliaram positivamente a novidade. Para Alexandre Luiz Raffi, diretor da Rodo Import, os avanços são bem-vindos. "A Rodo Import já carrega a certificação OEA, e agora com este novo serviço poderemos agilizar ainda mais as entregas para o mercado. Todos ganham com a nova ação”, defendeu Raffi.

Já na avaliação do diretor executivo da Alpha Cargo, Alexandre  Anicetti, a maior vantagem é a previsibilidade. “Toda operação logística é formada por detalhes. A partir do momento em que os agentes da operação conhecerem as etapas, tudo fluirá com agilidade e segurança, os dois fatores principais do transporte rodoviário de carga", pontua.

Utilizamos cookies y tecnologías similares para mejorar su experiencia, analizar estadísticas y personalizar la publicidad. Al acceder al sitio web, acepta este uso, de acuerdo con la Política de Privacidad.
Aceptar
Administrar