Ibovespa
120.445,91 pts
(0,15%)
Dólar comercial
R$ 5,46
(0,38%)
Dólar turismo
R$ 5,66
(0,02%)
Euro
R$ 5,85
(0,01%)

Fertimport: balanço de 2003 e planos 2004

Por Redação em 31 de março de 2004 às 16h58 (atualizado em 09/05/2011 às 14h24)

O resultado alcançado se deu, principalmente, pelo incremento do agronegócio brasileiro. Das atividades que apresentaram crescimento, o agenciamento marítimo teve alta de 16% e o desembaraço aduaneiro, 25%.

No afretamento marítimo, a Fertimport passou de 123 fechamentos de navios graneleiros em 2002 para 162 em 2003. Ainda no decorrer de 2003, a empresa investiu na adequação do seu Sistema de Gestão de Qualidade à versão ISO 9001:2000.

Fisicamente, a Fertimport também marcou terreno. Foram dois novos escritório no Rio Grande do Sul, em Porto Alegre e Rio Grande, dois importantes portos do país. "As novas instalações são mais modernas, garantindo mais agilidade aos nossos serviços", comenta Mário Fróio. Para 2004, a expansão seguirá para o Nordeste (Salvador/BA) e Norte (Itaqui/MA), além de uma filial em Necochea, Argentina.

Na área de investimentos, US$ 25 milhões é o número planejado para este ano, principalmente na ampliação e melhoria da infra-estrutura do Terminal Fertilizante (Tefer) em operação no Porto de Santos, reconstruir o píer de atracação e adquirir descarregadores mais potentes.

Quanto ao Porto de São Francisco do Sul (SC), a Fertimport continua interessada na instalação de um terminal de granéis sólidos. Apesar de a licitação ainda não ter saído, já existe uma verba de US$ 30 milhões separada a construção de um píer de atracação e instalação de novos equipamentos no local.

www.fertimport.com.br

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar