Quarta-feira, 12 de agosto de 2020 - 9h49
Blue Yonder registra crescimento na modalidade SaaS
Receita da companhia com softwares as a service cresceu 81% no segundo trimestre

A Blue Yonder, companhia que atua no mercado de soluções de gerenciamento de transporte, anunciou que sua receita em operações com softwares as a service (SaaS) foi de US$ 61 milhões no segundo trimestre de 2020, um aumento de 81% na comparação com o mesmo período do ano passado. Já a receita anual SaaS recorrente para o segundo trimestre de 2020 aumentou 72% em relação ao segundo trimestre de 2019, com um recorde de US$ 268 milhões.

“Nossos clientes procuram uma maior capacidade da recuperação da cadeia de suprimentos e o planejamento de cenários, promovendo a demanda por nossas soluções SaaS e implantações na nuvem”, diz Girish Rishi, CEO da Blue Yonder. “Nossa equipe lançou sete ofertas exclusivas da cadeia de suprimentos Covid-19 para clientes do varejo, da logística e 3PL com ênfases em arranques rápidos, permitindo aos clientes navegarem de maneira efetiva no entorno externo e oferecer produtos e serviços essenciais com prognósticos mais precisos, visibilidade do inventário e com programação da força laboral”, completa o executivo.

As reservas de novos produtos no segundo trimestre de 2020 aumentaram 9% sequencialmente, em comparação com o primeiro trimestre e o mix SaaS do segundo trimestre representou 71% do total de pedidos.

A Blue Yonder adicionou 27 novos clientes à sua carteira no período e fez 11 negócios de mais de US$ 500 mil. Alguns dos clientes que passaram a trabalhar com a companhia ou expandiram seu relacionamento durante o trimestre foram Best Western International, C.H. Robinson, Chep, AirAsia Group, AKW Global Warehousing e Clipper Logistics. No Brasil, a SuperFrio expandiu os seus serviços com novas licenças e funcionalidades.