Quinta-feira, 14 de agosto de 2014 - 12h21
Paranaguá divulga resultados de exportação de grãos
Até julho, o porto exportou 3,2 milhões de toneladas de farelo de soja e 1,4 milhão de toneladas de milho

O Porto de Paranaguá (PR) fechou o mês de julho como o porto que mais exportou milho e farelo de soja no Brasil. Os dados são do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio. Até julho, Paranaguá exportou 3,2 milhões de toneladas de farelo de soja. O Porto de Santos (SP), que aparece em segundo lugar no ranking, exportou pouco mais de 2 milhões de toneladas do produto.

O mesmo foi verificado com o milho. Apesar de as exportações do grão ainda estarem bem abaixo do que foi movimentado no mesmo período de 2013, até julho deste ano o Porto de Paranaguá exportou 1,4 milhão de toneladas do cereal. Santos exportou 1,3 milhão de toneladas.

Já nas exportações de soja, Paranaguá ainda figura como o segundo maior porto exportador do Brasil: foram 6,7 milhões de toneladas no período, o que representou um aumento de 36,7% no comparativo com 2013.

Ao todo, o país exportou, até julho, 51,6 milhões de toneladas de grãos. Pelo Porto de Paranaguá passaram 11,5 milhões de toneladas deste total, segundo os dados do ministério. Comparando com o mesmo período de 2013, a participação de Paranaguá nas exportações brasileiras de grãos cresceu 9,5%.

O aumento nas exportações de grãos está diretamente ligado às melhorias logísticas implementadas no porto, como a readequação do sistema Carga Online, que ordena o recebimento de caminhões, que permitiu acabar com as filas no acesso.

A Appa (Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina) também readequou o line up do Corredor de Exportação. As nomeações são efetivadas apenas com a presença de carga total em Paranaguá e a informação detalhada de quais terminais a carga origina. Também foi estabelecida uma preferência de atracação para os operadores de grãos que apresentam melhores índices de produtividade.