Quarta-feira, 3 de dezembro de 2014 - 13h09
Tecon Salvador registra crescimento na cabotagem e exportação no 3º trimestre
O aumento foi impulsionado pela movimentação de produtos químicos, siderúrgicos e metalúrgicos, construção civil e celulose

As movimentações de cabotagem e de exportação foram destaque no terceiro trimestre no Terminal de Contêineres de Salvador, operado pelo Grupo Wilson Sons. Os volumes cresceram 45% na cabotagem e 12% na exportação, na comparação com o mesmo período de 2013, impulsionados pela movimentação de produtos químicos, siderúrgicos e metalúrgicos, construção civil e celulose.

Tecon Salvador (contêineres) capaNa cabotagem, a construção civil foi responsável por uma movimentação de mais de 2.000 TEUs (4419%); o transporte de arroz proveniente do Sul acumulou 1.800 TEUs (15%) e as cargas de papel acumularam aproximadamente 1.000 TEUs (80%).

Manaus, por sua vez, se consolidou como o principal fluxo de cargas transportadas via cabotagem com Salvador, registrando um aumento de mais de 140% no total movimentado entre julho e setembro de 2014, comparado ao mesmo intervalo do ano passado.

O Tecon Salvador também voltou a observar o crescimento dos volumes de exportações no trimestre, especialmente de cargas para o Golfo do México (com crescimento de 73%) e para o Extremo Oriente (incremento de quase 55%).

Dos segmentos com saltos mais expressivos na exportação, destacam-se o siderúrgico (200%) e o de polímeros (171%). Ambos acumularam uma movimentação de quase 4.000 TEUs no terceiro trimestre.